domingo, 27 de novembro de 2011

Árvores de fruto: Nogueira (Juglans regia)

(árvore jovem)

(inflorescência de flores masculinas)

(flores femininas)

(frutos imaturos)

(fruto maduro prestes a desprender-se da árvore)

Espécie da família Juglandaceae, a Nogueira (Juglans regia L), também designada por Nogueira-comum, ou Nogueira-europeia, é uma árvore de folha caduca, geralmente considerada como originária dos Balcãs e do Médio Oriente, mas que conheceu ampla difusão noutras regiões da Europa e da Ásia, em tempos remotos, tendo sido introduzida como planta cultivada (de que existem diversas variedades) noutras regiões do globo, designadamente na América do Norte, sendo actualmente os Estados Unidos um dos maiores produtores mundiais.
É uma árvore de copa larga, muito ramificada e que pode atingir até 30m de altura. De crescimento relativamente lento, a Nogueira goza, em contrapartida, de grande longevidade, havendo referências a exemplares com mais de 300 anos.
É cultivada para aproveitamento da madeira, considerada de muito boa qualidade e usada sobretudo para o fabrico de mobiliário e dos frutos (nozes) cujas sementes, alojadas no interior do endocarpo duro, são consumidas como frutos secos, sendo também utilizadas para extracção de óleo vegetal.
Habitat: Desenvolve-se bem em terrenos húmidos e profundos, com substrato calcário ou silicioso, preferentemente a altitudes até aos 800m. Em Portugal é mais vulgar no interior norte e centro.
Floração: abril - maio;
Maturação  dos frutos: geralmente a partir de setembro.
(Clicando nas imagens, amplia)

8 comentários:

Vitor T. Freire disse...

Oi, só estou passando pra dizer que gostei bastante do blog, também gosto de biologia e também arrisco um pouco com as plantas.

Achei bastante interessante os posts das campânulas, da hera e da azeda. Só tenho uma dúvida sobre a campainha azul: ela cresce em maços grandes? kkk eu não sei explicar, mas eu já vi elas crescendo em ramos circulares, mas em todas as fotos as vejo isoladas, por isso fico em dúvida se são campainhas azuis mesmo; existe algum email pra onde eu possa enviar alguma foto? Agradeceria a ajuda :]

(Gostei do post da Azeda - Rumex acetosa - porque me formei em Técnico em Química esse ano, e o tema do meu TCC foi justamente sobre um composto que existe na raiz dessa planta: Resveratrol, já ouviu falar?)

Bem, parabéns pelo blog mais uma vez - já estou seguindo - muito bem ilustrado. Se quiser dá uma passadinha no meu:

http://blog-do-hermes.blogspot.com/

Até mais :]

Francisco Clamote disse...

Obrigado Vitor.
O "email" para contacto pode encontrá-lo no perfil.
Cumprimentos.

Gina disse...

Francisco,
Gosto muito de tudo que encontro por aqui.
Tenho por hábito e satisfação, mostrar em meu blog de culnária, curiosidades e plantas, que tenham alguma associação com os pratos.
Você se importaria que eu usasse fotos suas da nogueira e da flor? Como sempre faço ao usar fotos alheias, coloco o autor e o link.
Um abraço.

Gina disse...

...Em caso positivo, como faço para capturar a foto do fruto se abrindo?
www.nacozinhabrassil.com

Francisco Clamote disse...

Gina, pode dispor livremente das fotos que quiser.
Pergunta-me: "como faço para capturar a foto do fruto se abrindo?"
Se bem compreendi a sua pergunta, direi que basta clicar com o lado direito do "rato" sobre a foto e escolher "copiar URL da imagem".
Abraço

Gina disse...

Francisco,
Perguntei como capturar a imagem, porque não estava conseguindo, ia em branco. Mas hoje fiz novamente e deu certo.
Obrigada!

Maria Martins disse...

Boa noite. Tenho acedido várias vezes ao seu "blogue" com o intuito de obter esclarecimentos àcerca de uma ou outra espécie botânica pois acho-o de excelente qualidade. Hoje, mais uma vez, recorri aos seus conhecimentos desta vez para obter informações àcerca da nogueira. Pela primeira vez a curiosidade levou-me a tentar saber quem era o autor do "blogue". Fiquei encantada por ver quem é. Parabéns por este trabalho. Um beijo da Maria de Lourdes Martins

Francisco Clamote disse...

Olá, Maria de Lourdes. Bem aparecida seja.
Folgo em saber que aprecia o que vou publicando por aqui.
Um beijo também para si.