sábado, 14 de março de 2009

Flores silvestres: Sargacinha (Halimium commutatum)

(A planta)

(Flor)

Sargacinha e Erva-sargacinha são os nomes vulgares por que é designada esta planta com o nome científico de Halimium commutatum Pau (sinónimo: Halimium calycinum (L.) K. Koch). Nativa da Península Ibérica e do noroeste de Marrocos, tem o seu habitat em zonas de matagal.
Classificação: Divisão: Magnoliophyta; Classe: Magnoliopsida; Ordem: Malvales; Família: Cistaceae; Género: Halimium; Género: Halimium commutatum.

sexta-feira, 13 de março de 2009

Flores silvestres:Erva-relógio (Erodium moschatum)


(Para ampliar, clicar sobre as imagens)

Erva-relógio e Erva alfinete são alguns dos vários nomes vulgares atribuídos a esta planta com a designação científica de Erodium moschatum (L.) L'Hér., originária do sul e ocidente europeu, norte de África, sudoeste asiático e Macaronésia. Em Portugal, onde se distribui por todo o país, a sua floração, já iniciada, ainda prossegue.
Classificação: Divisão: Magnoliophyta; Classe: Magnoliopsida; Ordem: Geraniales; Família: Geraniaceae; Género: Erodium moschatum.

quarta-feira, 11 de março de 2009

Flores silvestres: Estevinha (Cistus salviifolius)

(A flor)

(Pormenor da planta)

A Estevinha (Cistus salviifolius L.) é uma planta originária de algumas regiões da Ásia, bem como do norte de África e do sudoeste europeu, incluindo Portugal, onde, nesta época, está a iniciar a sua floração.
Classificação: Divisão: Magnoliophyta; Classe: Magnoliopsida; Ordem: Malvales; Família: Cistaceae; Género: Cistus; Espécie: Cistus salviifolius.
(Para ampliar, clicar sobre as imagens)

segunda-feira, 9 de março de 2009

Plantas ornamentais: Salva-dos-jardins (Salvia coccinea)

(Para ampliar, clicar sobre a imagem)

Salva-dos jardins é o nome vulgar atribuído a esta planta (com o nome científico de Salvia coccinea Buchoz) de que a imagem reproduz, com algum pormenor, as folhas e as flores. É originária do Norte do México e do Nordeste dos Estados Unidos, sendo actualmente muito utilizada entre nós, como planta ornamental.
Classificação: Divisão: Magnoliophyta; Classe: Magnoliopsida; Ordem: Lamiales; Família: Lamiaceae; Género: Salvia; Espécie: Salvia coccinea.

Flores silvestres: Erva-leiteira ( Euphorbia helioscopia)

(Para ampliar, clicar sobre a imagem)


Esta planta, com o nome científico de Euphorbia helioscopia L. é conhecida vulgarmente pelos nomes de Erva-leiteira, Erva-maleita, Erva-maleiteira, Erva-olha-o-Sol, Leitarega, Leitariga, Leiteira, Maleiteira e Titímalo-dos-vales. É uma planta originária do Noroeste de África, bem como da maior parte da Ásia e da Europa, incluindo Portugal onde já se encontra em plena floração, pelo menos em algumas regiões do país.
É tóxica.
Classificação: Divisão: Magnoliophyta; Classe: Magnoliopsida; Ordem: Malpighiales; Família: Euphorbiaceae; Género: Euphorbia; Espécie: Euphorbia helioscopia.

domingo, 8 de março de 2009

Flores silvestres: Bonina (Bellis perennis)


(Para ampliar, clicar sobre a imagem)

Bonina, Margarida e Margarita são alguns dos nomes vulgares dados a esta planta (com o nome científico de Bellis perennis L.) que, por esta altura do ano, já alegra os campos e relvados em Portugal, onde surge espontaneamente.
Classificação: Divisão: Magnoliophyta; Classe: Magnoliopsida; Ordem: Asterales; Família: Asteraceae: Género: Bellis; Espécie: Bellis perennis.

sexta-feira, 6 de março de 2009

Flores silvestres: Boca-de-lobo ( Antirrhinum majus)

(Para ampliar, clicar sobre a imagem)
Boca-de-lobo é o nome vulgar desta planta (julgo que idêntico ao de outras espécies do mesmo género) que tem o nome científico de Antirrhinum majus L. É uma planta nativa da região mediterrânica, incluindo Portugal, onde existem, aliás, duas subespécies [a Antirrhinum majus subsp. linkianum (Boiss. & Reut.) Rothm. (endémica) e a Antirrhinum majus L. subsp. cirrhigerum (Ficalho) Franco)]. Esta espécie adapta-se bem a terrenos secos, incluindo zonas rochosas e zonas próximas do litoral.
Classificação: Divisão: Magnoliophyta; Classe: Magnoliopsida; Ordem: Lamiales; Família: Plantaginaceae; Género: Antirrhinum; espécie: Antirrhimum majus.

Flores ornamentais: Prímulas

(Para ampliar, clicar sobre a imagem)


Na imagem, um dos muitos cultivares da espécie Primula acaulis Hill (Sin. Primula acaulis (L.) Hill, Primula vulgaris Huds. subsp. vulgaris, Primula vulgaris Hill subsp. vulgaris) plantas que em Portugal são designadas vulgar e genericamente por Prímulas e também por Páscoas, Primaveras e Rosas-de-Páscoa, além de outras designações menos comuns. Esta espécie é nativa da parte ocidental e sul da Europa, incluindo Portugal, mas os exemplares que se se encontram, quer no mercado, quer em jardins públicos e particulares, servindo como plantas ornamentais, são por via de regra, híbridos cultivados e não espontâneos.
Classificação: Divisão: Magnoliophyta; Classe: Magnoliopsida; Ordem: Ericales; Família: Primulaceae; Género: Primula.

quinta-feira, 5 de março de 2009

Flores silvestres: Botão-de-oiro (Ranunculus repens)

(Flor e folhas)
(Fruto)
Botão-de-oiro, Erva-belida, Flores-de-quaresma e Ranúnculo-rasteiro, são alguns dos nomes vulgares por que é designada esta planta, com o nome científico de Ranunculus repens L. Em Portugal distribui-se por quase todo o território continental, com excepção do Algarve e das regiões interiores do Alto e Baixo Alentejo, tendo o seu habitat preferencial em relvados húmidos.
Classificação: Classe: Magnoliopsida; Ordem: Ranunculales; Família: Ranunculaceae; Género:
Ranunculus; Espécie: Ranunculus repens.
(Para ampliar, clicar sobre as imagens)

terça-feira, 3 de março de 2009

Plantas ornamentais: Jarro (Zantedeschia aethiopica)


(Para ampliar, clicar sobre a imagem)


O Jarro, planta designada no Brasil por Copo-de-leite, com o nome científico de Zantedeschia aethiopica(L.) Spreng., é originário da África do Sul, mas bem aclimatado em Portugal, onde cresce espontaneamente em zonas húmidas, sendo considerado uma praga em algumas zonas e de difícil erradicação. No entanto, também é cultivado como planta ornamental.
Classificação: Divisão: Magnoliophyta; Classe: Liliopsida; Ordem: Alismatales; Família: Araceae; Género: Zantedeschia; Espécie: Zantedeschia aethiopica.

segunda-feira, 2 de março de 2009

Flores silvestres: Camomila (matricaria recutita)

(Para ampliar, clicar sobre a imagem)
Com a aproximação da Primavera, os campos de Portugal enchem-se com as flores desta planta, designada vulgarmente por Camomila (Nome cientifico: Matricaria recutita L. ; sin.: Chamomilla recutita (L.) Rauschert; e Matricaria chamomilla L.)
Classificação: Divisão: Magnoliophyta; Classe: Magnoliopsida; Ordem: Asterales; Família: Asteraceae; Género: Matricaria; Espécie: Matricaria recutita.
(Nota: A imagem que encimava este texto foi substituída pela imagem encontrada no endereço indicado pela autora do 1º comentário a este "post", a quem peço desculpa pelo abuso. Pareceu-me, no entanto, ser menos grave o furto cometido do que a permanência da imagem que não correspondia à planta. Renovo as desculpas e os agradecimentos à autora que, se nisso vier a ter algum interesse, poderá dispor livremente das imagens publicadas no Botânico Aprendiz)